sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Só porque é Natal!...

Na minha modesta, opinião o Natal deixou de ser uma festa de família para passar a ser a festa do consumismo!... Quantas casas fazem a árvore de natal e esquecem o presépio? Quantas casas se enchem de família só porque sim? É Natal, festa da família, e mesmo que o ano inteiro ninguém se lembre de ninguém, nesta altura é bonito, porque é Natal.
Natal é sempre que nós queiramos. Natal é partilha de afetos e mimos e não de embrulhos caros. É sorrisos espontâneos e palavras de animo e carinho sempre que necessário.
Muitas vezes a expressão mais utilizada é : - Não tenho tempo para fazer algo doce e saboroso!... Um frasco de doce, uma caixinha de marmelada ou até mesmo um sal ou azeite aromatizado.
Mas arranjamos tempo para ir ao centro comercial e andar numa correria louca com uma lista na mão. Muitas vezes não encontramos nada de interessante mas é Natal e temos de dar uma prenda! E dizemos: -Não tenho paciência, mas é Natal tem de ser...
Porque não pensar este ano em mimar aqueles que amamos, com coisas simples, bonitas e acima de tudo saborosas. Sem correrias de centro comercial, hipermercado e sei lá mais o quê. Escolham com tempo um dos mimos que faço com todo o carinho e vendo a preço económico. Um mimo bonito e saboroso, e uma caixa de sorrisos podem fazer toda a diferença.

  

Sem comentários:

Enviar um comentário